Relacionamento saudável

Não é raro ouvirmos alguns amigos reclamando da solteirice em meio a uma conversa, declamando as lamúrias por não terem com quem compartilhar os momentos de tristeza e de felicidade que a vida nos apresenta. Reflexo disso pode ser visto em uma pesquisa feita pelo Match Group LatAm, que constatou que os solteirões — entre homens e mulheres — desejam engatar um relacionamento duradouro ainda este ano.

Só que alcançar as bodas de prata e de ouro, como nossos avós, está cada vez mais incomum; os relacionamentos atualmente parecem se desgastar de forma mais efêmera, como se uma sequência de erros levasse ao término da relação do casal mais rapidamente.

O segredo é haver colaboração de ambos os lados para um entendimento mútuo dos limites e das possibilidades da relação, para que o relacionamento funcione de maneira saudável. Confira algumas dicas para isso:

DOIS NÃO PODEM SER A MESMA PESSOA 

Sem dúvidas, o que permite a proximidade e a construção de intimidade de um casal são as coisas que os componentes do dueto têm em comum. O que acontece, às vezes, é uma pessoa achar que o cônjuge não deve fazer nada diferente, levar a companhia para todo e qualquer tipo de evento que for, como se o outro não tivesse gostos próprios. Vai ao cinema e o par deseja ficar em casa se divertindo com alguns jogos online? É preciso entender o desejo alheio e respeitar.

NEM TUDO É TÃO FÁCIL ASSIM 

O namoro, principalmente no início, costuma ser um mar de rosas. Beijos pra lá, carícias pra cá, e muita compreensão. Com o passar do tempo, os conflitos vão aparecendo, o friozinho na barriga ao se encontrarem não são a mesma coisa, e a rotina acaba chegando mais cedo ou mais tarde. É importante entender a natureza do relacionamento e tirar o melhor proveito dele, mesmo com todas as barreiras.

PACIÊNCIA, ESTIMULE A PACIÊNCIA 

Ninguém deve pensar que dividir o mesmo teto e a mesma comida com outra pessoa é uma tarefa fácil. Apesar das opiniões e experiências de vida, por vezes comuns, é preciso respeitar as diferenças quando elas aparecem. Cada um tem um gênio distinto, um tipo de educação passado pelos pais, e até mesmo cacoetes do dia a dia difíceis de aguentar. A conversa e a transparência são os melhores remédios para manter a paciência.

CONFIANÇA TAMBÉM É UMA BASE 

Não só de amor é feito um relacionamento. Confiar em quem está ao seu lado é um dos principais pilares que sustentam a relação. A falta de confiança é como qualquer construção sem uma estrutura minimamente forte, pode fazer tudo vir abaixo de repente. Então nada de ficar alimentando desconfianças na cabeça, é preciso confiar de verdade...

SAIBA CEDER ÀS VEZES 

Um relacionamento dificilmente é saudável quando os componentes vivem em cabo de guerra. Ter humildade e reconhecer os erros é muito importante; e mesmo acreditando estar certo, há momentos em que o melhor mesmo é ceder, deixar o orgulho de lado e evitar desgastes, é bem mais inteligente. 

 

Equipe Horóscopo Virtual

Você pode gostar